StandUp com Jesus #9 - Rock in Rio 3 (e a maconha?)

Outras Mídias: Facebook ::::: Twitter ::::: Youtube ::::: Feed ::::: Orkut ::::: Yahoo Grupos (FÓRUM)
Cadastre-se em nossa mala direta e receba as publicações em seu e-mail:


Delivered by FeedBurner

9 comentários:

Blog Desafiando Limites disse...

#rachei, Lya.

mandou muito bem... rs

abs, apz.

Claudio Ferreira disse...

Acho que arte é arte, tem que ser despida de credo, raça, posição social e economica. Um artista está aí para criar sem amarras. Nem sempre a arte que fabricamos é o pensamento do artista. Não achei nada de agravante na tira. Parabéns Lya Alves! Porque será que somos podados? Temos que cutucar, falar e mostrar! É nosso direito e dever como artistas!

Lya Alves disse...

Também acho. Na tirinha, desmascaramos um sofisma presente na sociedade. Mostramos o raciocínio errado que induz a uma conclusão errada. Isto é prestar serviço á sociedade, sem ser chato como cartilha. Mas ao que parece, Cristo não pode ser associado a drogas nem se for para falar contra (que é o caso). Tudo bem, tivemos mais de mil visualizações em um dia. E sem usar agregadores de conteúdo. Essa foi a melhor resposta que eu tive. E pode ter certeza, vou cutucar sempre.

ZombieRod disse...

vocês deviam é pensar em conscientização da população

por que ai o pessoal podia escolher fumar maconha e beber alcool sempre na medida certa

Lya Alves disse...

Pois é, Zombie, a tirinha é exatamente sobre conscientização, e não sobre Rock in Rio ou maconha. Sobre o raciocínio errado que diz que maconha mata mais do que cigarro, então que se legalize a maconha, quando deveriam proibir o cigarro. Esse é o ponto desta tirinha: alienação. Não uma conversa sobre moral e bons costumes, mas sobre ilusões criadas pelo governos, pelo povo que está sendo manipulado como gado.
Abç

Carlos Brandino disse...

Procurem sempre a sabedoria de Deus, para estarem escrevendo mais e mais aquilo que é coerente com a Palavra. Sempre com sabedoria, conhecimento e firmes na fé. Estou orando por todos voces e por este projeto....

Heitor disse...

A maconha não faz menos que o álcool somente pq não é legalizada, basta fazer uma pesquisa simples na internet pra encontrar estudos e estudos sobre os potenciais maléficos das drogas, e a maconha está sempre abaixo do álcool.

Além disso, pense bem sobre a criminalização do ácool, é algo que simplesmente não vai ocorrer, não tem como isso acontecer, por mais que se proteste e conscientize. O próprio Jesus tomava vinho..!

O que precisa é de conscientização sim, dos efeitos e problemas que tanto o álcool quanto a maconha podem trazer, não conscientizar as pessoas de sua opinião. Afinal, opinião sem conhecimento é preconceito.

Lya Alves disse...

Ué, Heitor...? Você não disse antes que o blog não fazia ninguém pensar?

André disse...

Valeu pelo comentário Heitor, volte sempre, mas na verdade a questão é mais simples do que você descreveu, o que preocupa não é a informação "nutricional" do álcool e da maconha, e sim a facilidade de acesso; é incomum ver alguém sobre efeito da maconha causando um acidente de carro, por exemplo, justamente porque pra ter a maconha o sujeito(a) tem que ir na boca de fumo, diferente do álccol que qualquer um compra no POSTO DE GASOLINA. Não tem preconceito nisso, isso é um conceito, e óbvio até.
Graça e Paz.